Indie #1 : Significado e algumas indicações.

Aposto que em algum momento você já ouviu a palavra INDIE para definir ou uma música ,banda  filme ou até mesmo estilo de roupas. Mas você sabe o que isso significa ?
O termo ''indie'' é abreviação para a palavra inglesa independent ( independente) , este termo foi usado para categorizar produções desvinculadas a grandes empresas . Resumindo tudo que é criado fora dos padrões destinados a massa é considerado INDIE.
No inicio tudo que era considerado Indie , era alvo de um publico mais seleto , sabe aquela historia de você curtir algo que quase ninguém conhece ? Bom é exatamente isso.
Hoje em dia podemos considerar que o estilo indie conquista cada vez mais adeptos, exemplo disso está no meio musical , aposto que você já ouviu The Killers, bom até certo tempo atras eles não possuíam contrato , iniciando de forma completamente independente .Para você que ainda não é muito familiarizado com o estilo indie , irei indicar alguns dos meus filmes preferidos . Confira:

#1- Frances Ha - (2012)
O primeiro da lista é meu queridinho , conheci o filme por indicação de uma artista no instagram e que agradável surpresa eu tive . O filme acompanha Frances , uma personagem carismática que rejeita a proposta do namorado em morar juntos.  Frances não que abandonar sua amiga e colega de quarto Sophie. Porém quando a mesma oportunidade surge para Sophie , ela não pensa em duas vezes ao deixar Frances. A partir dai você irá acompanhar toda a trajetória que Frances percorre para encontrar um novo lar . Os grandes lances do filme são a naturalidade dos personagens , nada é artificial sobre eles é como assistir uma cena do dia a dia , bem reforçado pelo fato do filme todo está em preto e branco. O filme foi selecionado no Festival de Toronto em 2012 e foi produzido por uma produtora brasileira , a Rt Features.
#2 Mistress America - (2015)
Bom por este segundo filme fica evidente minha paixão por Greta Gerwing  . Lola é caloura em uma faculdade em Nova York , ela se sente deslocada e solitária e concentra suas energias em entrar em uma sociedade de escritores a qual ela é rejeitada. Para completar sua mãe resolver se casar com seu namorado virtual , sendo assim a vida faz com que Lola conheça sua futura irmã de criação Brooke. O encanto é imediato , Brooke transgredi os valores comuns da sociedade e seu espirito livre inunda cada recinto ,  apesar de não estar na gloriosa Geração Y , sua juventude fascina Lola , que a usa como musa de um novo conto . O que não dá muito certo quando o conto chega a conhecimento de Brooke. O filme tem uma pegada cômica e bem leve , foi exibido no Festival de Sundance de 2015.
#3-Lily & Kat - (2015)
Esse vai para os fãs de Skin , Hannah Murray é Kat , uma menina com estilo próprio que ama a vida noturna. Sua melhor amiga é Lily , formada pelo FIT (Fashion Institute of Technology) ela busca seu lugar no mundo da moda  porém não tão despreocupada como Kat ela simplesmente embarca numa jornada psicológica sobre o que realmente importa . O filme é simples mas muito cativante , ele me fez lembrar das vezes em que deixamos a presença de alguém nos definir e quando essa pessoa resolver partir ficamos perdidos sobre o que queremos e o que somos.
#4 Fort Tilden - (2016)
O ultimo da lista não tem digamos lições profundas de autodescoberta . O filme se passa no verão novaiorquino , duas amigas Harper e Allie resolvem sair da cidade e ir até a praia que fica perto de Fort Tilden. Até ai nada demais , porém a viagem sai completamente fora do esperado , nós vemos casos cômicos e pequenos fragmentos de temas a se refletir . Ate que ponto é necessário fingir que somos algo apenas para satisfazer aqueles que nos rodeia ? De bônus o filme não traz nomes conhecidos apenas atores que facilmente seriam seus vizinhos.


You Might Also Like

1 comentários

  1. Confesso que tenho um dificuldade pra assistir filmes indies, mas as vezes alguns eu acabo assistindo e amoo.

    Dany Guimarães | Legalmeente Ruiva
    legalmeenteruiva.com

    ResponderExcluir